Avançar para o conteúdo principal

Vai sempre haver obstáculos.

Olá a todos!

Começo por vos perguntar se acreditam realmente que exista alguma coisa, qualquer coisa que façam na vossa vida e que não tenha obstáculos?

Não tem obstáculos ou vocês os superam ou passam por cima deles com tal facilidade que parece que eles não existem?
Por exemplo, a maioria de vocês anda pelos próprios pés diariamente, e fá-lo com tipos de calçado diferentes, sem grande dificuldade. Isso significa que andar não tem obstáculos? Não, porque a verdade é que tem e não são poucos: para andarmos temos de superar as leis físicas do nosso planeta, ter a capacidade física para isso, a capacidade cerebral de dar as informações da marcha ao corpo e a correta comunicação entre o sistema nervoso e o sistema locomotor. É por este motivo que muitas doenças, nomeadamente neurológicas, se manifestam mais cedo ou mais tarde por alterações da marcha. Mesmo vocês que, felizmente, têm todas as condições supracitadas para andarem de um lado para o outro, não nasceram a saber andar, tiveram de ser ensinados, tiveram de fazer um esforço para o conseguir. O bom é que as crianças não pensam tanto nos obstáculos, quando querem uma coisa começam a fazer por elas, mesmo sem se aperceberem, depois crescem e metem demasiadas interrogações (podem ler sobre isso aqui).

Mesmo se algum de vocês, por qualquer motivo não andar, de certeza que faz qualquer coisa diariamente com uma facilidade que pode levar a pensar que as barreiras são nulas.

Contudo, vai sempre haver obstáculos.

E se obstáculos existem sempre, será sensato utilizarmos a desculpa de que eles existem para avançarmos ou não? Talvez assim, estejamos sempre a ser parados...


Não será mais benéfico descobrirmos a forma de transformar os obstáculos em fatores inócuos ou mesmo em vantagens? Ou, em falat desta possibilidade, contorná-los ou passar por cima deles, como as águias? Parece que, enquanto os passarinhos se escondem da tempestade, as águias saem à rua, mas voam mais alto.

O que acham?

Espero que tenham gostado.

Até amanhã!

Beijinhos :-*

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Carnaval 2018

Olá a todos!
Hoje trago-vos um vídeo extra no canal!!! 
Não vou publicar um vídeo todos os dias, mas há exceções, como neste caso, em que tivemos o Carnaval e o Dia de São Valentim na mesma semana. :)
Espero que gostem! 😊


Até à próxima!
Beijinhos :-*

Aniversário 2018

Olá a todos!
Hoje é o meu aniversário, comemoro mais um ano de vida e, por esta ocasião especial, interrompo o estudo para festejar e para vos escrever. Este dia pode ser especial para nós, por diversos motivos, dependendo também da nossa idade e da altura da vida em que estamos. Lembro-me que quando era pequena os meus aniversários eram o máximo pelos doces, pelos amigos a cantarem os parabéns, pelos brinquedos que recebia, pelo karaoke que cantava, pelos saquinhos de guloseimas que distribuía na escola ou a todos os que iam à minha festa de anos... Há medida que vamos crescendo, as festas vão-se tornando diferentes, com menos pessoas e menos brincadeiras, e começamos a dar mais importância a estar com a família, a nos rodearmos de um grupo mais limitado de pessoas e claro, a receber parabéns das pessoas que passam pela nossa vida, quer pessoalmente quer nas redes sociais.
Nem sempre os nossos dias de aniversário são perfeitos, sobretudo se nem tudo na nossa vida está como gostaríamos o…

VeganChee Bio - Iogurtes e Queijos

Bom dia a todos!
Na publicação de hoje vou partilhar convosco alguns produtos vegan que conheci há algum tempo e dos quais, pelo sabor, aspeto, saúde e praticidade, não poderia deixar de falar. Curiosos para saber do que falo?
A resposta é: VeganChee Bio - alternativas vegetais ao queijo e aos iogurtes. Para além de estar a estudar para vir a ser Médica, eu sempre me preocupei com a Saúde e, sobretudo, sempre procurei saber mais sobre o tema e sobre o que eu podia fazer para ser mais saudável (vou certamente partilhar alguns dos hábitos que tenho noutros posts).
E como falar de Saúde, sem falar de Alimentação?
Como disse Hipócrates, na Antiguidade, “que o teu alimento seja o teu medicamento.” e, baseada nesta premissa, sempre procurei comer o melhor possível, com algumas exceções (muitas) de vez em quando, como é normal.

O tipo de alimentação que levo não é tema para esta publicação, mas resumidamente é preferencialmente vegan, mas não rígida. O que isto significa? Que como de tudo,…